Notícias

Coerência nos dados é o maior desafio do Sped Contábil, diz especialista

por FinancialWeb

13/07/2009
Roberto Duarte explica que empresas ainda sofrem com adequação, mesmo após entrega dos arquivos, devido a inconsistências na contabilidade

SÃO PAULO – Com os esforços de cerca de 10% das empresas em aprimorarem a entrega de arquivos pelo Sistema Público de Escrituração Digital Contábil, vem à tona o real desafio da implantação: manter a contabilidade coerente, real e íntegra. De acordo com Roberto Dias Duarte, em artigo publicado no FinancialWeb, essa reação vai contra a idéia de que o sucesso do projeto se daria principalmente no âmbito tecnológico, com o fornecedor mais adequado de softwares.

Ele explica que os profissionais deste departamento têm como missão viabilizar a “transformação” dos livros contábeis em arquivos no formato padrão do Sped, mas, para tanto, os dados devem estar de acordo com o que é demandado pelo Fisco.

“Mais que cobrar das áreas tecnológicas a geração do arquivo, as empresas precisam repensar seus processos gerenciais e aplicar os princípios e normas contábeis vigentes em sua escrituração”, reforça Duarte ao lembrar que estes fundamentos não foram alterados pelo Sped e que a Escrituração Contábil Digital (ECD) deve contemplar as operações reais das empresas, como as de faturamento, movimentação de estoques, finanças, entre outras.

Leia aqui outras considerações do autor sobre o tema.

LEI Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998.

"Altera, atualiza e consolida a legislação sobre direitos autorais e dá outras providências. (...)
Art. 46. Não constitui ofensa aos direitos autorais:
< I - a reprodução:
a) na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos;
(...)"